COMBINAÇÃO DIVINA.

Quando você passou por um período intenso, tenha sido ele energético ou não, pode ser difícil se concentrar em qualquer outra coisa diferente que nao seja de como você está desconfortável.

Mas existem elementos-chave que ajudam a minimizar seu desconforto, e ajudá-lo a passar esse tempo desafiador com a maior quantidade de velocidade, suporte, graça e facilidade possível.

Esses elementos são a rendição, a fé, o fluxo, a confiança, a aceitação, a permissão e a gratidão.

Entendemos que você não consiga nem pensar em praticar qualquer um desses elementos, quando os tempos parecem difíceis, mas é nestes momentos em que eles podem mais ajudá-lo.

Se você está preso em uma fase que parece persistir, recomendamos altamente examinar cada um desses elementos essenciais, perguntando-se como você poderá começar a implementar o uso deles novamente.

Qualquer dos elementos de rendição, fé, fluxo, confiança, aceitação, permissão ou gratidão, utilizados por eles mesmos, ajudarão em sua própria maneira distinta. Mas usá-los juntos, como um código, ou uma combinação, (por isso nos referimos a eles como a Combinação Divina), é o movimento de poder que muitos de vocês estão perdendo.

Há uma mágica, ou uma alquimia, se você quiser, que só se ativa usando todos eles juntos, e essa é a fórmula que você procura, especialmente em tempos mais difíceis, para movê-lo para além de qualquer bloqueio, para soluções de vibrações mais elevadas, que sua alma sabe que devem existir, mas que você está tendo problemas para encontrar.

Arcanjo Gabriel

*****************
http://lightworkers.org/

Mensagem de Maria

Extraordinary Apparition of the Virgin Mary - Lisboa, Portugal - May 21, 2017

Extraordinary Apparition of the Virgin Mary - Lisboa, Portugal - May 21, 2017

Musica do blog





Impulso Universal

Impulso Universal

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

MENSAGEM DA LUA CHEIA


MENSAGEM DA LUA CHEIA
Simon & Jennifer

Então, quem é você, realmente? Qual é o verdadeiro você? Sob todos os comportamentos aprendidos, as normas sociais, as expectativas, as “simpatias”, a adaptabilidade às circunstâncias e as autodefesas de que utilizamos contra eles… Quem é você? Você já foi tudo o que você é, sem se censurar nem mesmo um pouco?

Vivemos em um mundo que é sempre uma representação física do passado. Pode ser somente dessa forma, porque leva tempo para se manifestar um novo ou mudar a realidade interna para a criação física. Isso quer dizer que cada alma que nasce no mundo – como um fragmento de consciência em evolução própria – mantém um nível de consciência que já evoluiu além da realidade ultrapassada para aquilo que ele ou ela nasceu. Desde esse momento do nascimento, nossas mentes começam a absorver as informações de nosso meio, das experiências, da educação (tanto formal quanto informal), das famílias, da mídia e observando os comportamentos das outras pessoas. E continuamos coletando esses dados à medida que passamos pela vida, aprendendo com o que é – os reflexos externos ultrapassados do que foi. Esse é o modo como o condicionamento acontece. É a forma como aprendemos a navegar o mundo que nos cerca, e a nos conformar com os seus sistemas e métodos. E é assim também que aprendemos a não ser quem realmente somos.

O corpo, com toda a sua inteligência inata, é o veículo da nossa jornada. Reage à vida no momento, um passo de cada vez, conectando-se, sentindo e percebendo a todo o momento. Contudo, ao contrário de qualquer outra espécie na Terra, aprendemos a nos desconectar dessa inteligência inata, e em vez disso, a valorizar a mente limitada e facilmente desencaminhada, como o meio principal de regular nossas vidas e nossos comportamentos. Mas, se você permitir que a inteligência natural conduza o corpo e o instinto pelas sensações, ela cuidará de você, fornecendo-lhe informações (muito além dos cinco sentidos) para ajudá-lo a escolher o caminho mais alinhado com o seu exclusivo fluxo vital. Vai lhe mostrar aquilo pelo qual você está apaixonado, o que você teme, quem você é, e como você é – por orientá-lo ao lugar onde você esteja destinado a ir; ao lugar certo, no tempo certo, nas circunstâncias certas que se revelam para você ser o seu verdadeiro eu, único e liberado.

Não permita que a sua mente limite o seu potencial. Não se permita ser moldado por aquilo que você não é. Você está aqui para ser você, não para de adequar ao mundo. Chegou a hora de levantar-se e ser o seu eu verdadeiro e liberado.

Bênçãos, Simon & Jennifer

Tradução de Ivete Brito 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...