Não temais a dor libertadora!
Mestre Jesus

Filhos amados de Minh ‘alma!

As dores não são castigos divinos!

O Pai Misericordioso não pune seus filhos!

Suas Leis Magnânimas são universais e todas as criaturas, inevitavelmente, alcançarão a harmonia com o Criador.

A dicotomia entre vossas ações, contrárias às leis criadoras e mantenedoras da vida, é que provocam em vós o sofrimento.

Quando libertardes vossas consciências dos atavismos que vos conduzem às quedas, quando a rebeldia não mais comandar vossas ações e vossa alma afinizar-se com a Harmonia Universal do Amor, o sofrimento não mais existirá. Tereis alcançado, então, as Dimensões de Luz e Paz!

Avolumam-se os rancores e os ódios que reverberam em guerras e violência. Estancai o mal em vós, iluminai vosso íntimo onde a escuridão teima em sombrear-vos.

Vinde a Mim e Eu vos aliviarei do peso que vos oprime!

Eu sou o amor e vos conduzirei à regeneração!

Não temais a dor libertadora!

Minha paz vos deixo!

Meu amor vos sustenta!

Minha presença ilumina vosso caminho!

Eu sou Jesus!

********

GESH

S. Jose'

Total de visualizações de página

IMPULSO UNIVERSAL

IMPULSO UNIVERSAL
Amigos de caminhada,
Estou seguindo para o Brasil no dia 21 de setembro. Ficarei la' ate' 19 de dezembro. Estarei aprofundando o meu trabalho espiritual.
Postarei no nosso Blog, sempre que for possivel.
Sugiro reverem muitas das mensagens aqui publicadas, pois são preciosas para os tempos que vivemos hoje.
Fiquem todos com a Misericordia de Deus Pai.
Amorosamente,
Cassia

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

COMO PODEMOS FAVORECER O TRABALHO PROTETOR DOS NOSSOS GUIAS?



COMO PODEMOS FAVORECER O TRABALHO PROTETOR DOS NOSSOS GUIAS?
Ramatis
2/2/2016

PERGUNTA:  Sob o vosso ponto de vista espiritual, qual é a melhor atitude que nos recomendais no trato da vida carnal, a fim de favorecermos o trabalho protetor dos nossos guias?

RAMATÍS:  O homem eleva-se ou afina-se em espírito, tanto quanto ele purga os seus pecados, abandona os vícios ruinosos, domina as paixões perigosas e despreza os prazeres lascivos da carne. Deste modo, ele sintoniza-se às faixas espirituais superiores e pode então receber dos espíritos benfeitores a orientação certa e proveitosa para cumprir o seu destino educativo no mundo material. No entanto, não faltam ensinamentos espirituais adequados a cada povo terreno, pois em todas as latitudes geográficas ou regiões físicas da Terra sempre encarnaram entidades excepcionais, que se devotaram heroicamente a orientar o homem terreno para alcançar a sua definitiva Ventura Espiritual.
Buda instruiu os asiáticos, Hermes os egípcios, Crishna os hindus, Confúcio os chineses, Pitágoras os gregos, Zoroastro os persas, enquanto Jesus resumiu esses ensinamentos no seu admirável Evangelho; e Allan Kardec popularizou-os pela codificação espírita. Em linguagem simples e convincente, o Espiritismo expõe a todos os homens ignorantes ou sábios, os mais avançados conceitos de filosofia, técnica mediúnica e erudição espiritual, que resistiram galhardamente a cem anos de sarcasmo do academismo científico e de perseguição sistemática do Clero ciumento.
O hábito do Bem e a integração definitiva do homem nos preceitos evangélicos de Jesus, realmente despertam as forças criadoras da alma e a imunizam contra os ataques perversos e capciosos "das Trevas". Só a vivência espiritual superior permite ao homem ouvir a voz do seu guia vibrando na intimidade de sua alma, e assim dispensar os recursos drásticos e dolorosos que o Alto, às vezes, precisa mobilizar a fim de reprimir as suas atividades ilícitas e perigosas.

Os credos, as religiões, os cursos iniciáticos e as doutrinas espiritualistas ajudam o homem a distinguir a senda mais certa para sua ventura espiritual. No entanto, só a "auto realização", a vivência em si mesmo dos ensinamentos evangélicos, é que lhe concedem o direito de morar nos planos paradisíacos. Depois de conhecer o programa superior, então cabe-lhe a responsabilidade de executá-lo em si mesmo na experimentação cotidiana, a fim de expurgar os resíduos da vida animal inferior que serviram de base à formação da sua consciência individual.
Assim, todos os momentos que o homem vive na face dos mundos planetários devem ser aproveitados na "auto-realização" superior, uma vez que já conhece o programa espiritual que conduz à felicidade.
As discussões políticas, religiosas ou desportivas; as atitudes rebeldes, obstinadas ou coléricas; a freqüência habitual aos antros do vício e aos ambientes fesceninos; o anedotário indecente, o julgamento antifraterno, a cupidez, o ciúme, o ódio, a vingança, a hipocrisia ou a capciosidade, inclusive os "passatempos" tolos e dispersivos, são estados de espírito e condições humanas que baixam o nível espiritual do homem e o isolam da orientação certa do Alto.
Todo espírito tem o direito de buscar o clima que lhe é mais eletivo, mas é óbvio que há de sofrer, em si mesmo, os bons e os maus efeitos próprios do ambiente onde prefere viver.



Do livro “Elucidações do Além” Ramatis/ Hercilio Maes - Editora Pensamento
http://ramatismissaodeluz.blogspot.com/2016/02/blog-post.html
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...